DESAFIO DEBATEPRONTO – MAIS MÉDICOS (Comentário de Amarildo Esteves)

O Amarildo Esteves, ao comentar o texto de Raul Avelino, levanta alguns pontos interessantes. Decidi transcrevê-lo aqui, para dar mais visibilidade…

COMENTÁRIO ORIGINAL

Pois é! A discussão é longa, polêmica , proveitosa e necessária. Mas, até aqui no debatepronto a discussão do “Mais Médicos” foi direcionada só para um lado. Os médicos cubanos. Ora , é sabido que foram contratados médicos argentinos ( até eles ) , portugueses , espanhóis de outras nacionalidades. Dá a entender , na minha leitura , que há uma discriminação tanto política quanto de raça e um corporativismo tolo. Basta ver o “exemplo” na recepção dos médicos cubanos em Fortaleza , capital de um estado nordestino , cujo povo sofre – embora muitos “sulistas” neguem – de preconceito racial e “econômico” por parte da região sudeste para baixo , geograficamente falando. Chamaram os médicos cubanos na sua chegada , de escravos , porque tanto se falou e se fala na questão dos seus salários. Se ficaria boa parte dos seus proventos com a ilha de Fidel ou com os próprios. Acho que essa questão deve ser resolvida entre o ministério da saúde do Brasil e o órgão que os representa lá em Cuba. Alguém sabe como funciona a forma de remuneração dos argentinos , espanhóis e portugueses que aqui estão para exercer a medicina?
Dizem que o REVALIDA reprova 92% dos médicos nele inscritos. E nesses 8% de abençoados tem gente como a médica do Hospital Evangélico de Curitiba que abreviava a vida de pacientes. Não vou eu , um ignorante , sem curso superior , entrar no tecnicismo do curso e em consequencia da profissão de médico ,mas se os Conselhos de Medicina brasileiros não conseguem conter o número cada vez maior de faculdades de medicina que se espraiam por nosso país , fazem um teste que , pelo que se ve,em muitos casos de mutilação ou de homicídio pela parte médica , não VALIDA e nem REVALIDA profissionais para exercer uma profissão que trata do maior patrimônio do ser humano que é a sua vida.
O Raul Avelino colocou bem que a medicina em nosso país em sua imensa maioria , é “exercida” por “filhinhos e filhinhas de papai”. Não é a questão de alguém ter recursos e proporcionar uma boa instrução para seu filho. Isso todo pai ou mãe almejam. Agora , educação e conhecimento embora distintos , andam juntos. Ou deveriam. Educação se aprende na escola;conhecimento nos bancos escolares. Aquele pessoal de Fortaleza tem conhecimento;educação não.
Porque não vaiaram os médicos de outas nacionalidades? Porque tinham a mesma cor da pele que os nobre médicos brasileiros? Puro racismo.
Eu até desviei o foco do tema proposto pelo Daniel Pinheiro – um dos criadores deste blog – , mas sou totalmente a favor da vinda de médicos estrangeiros para atender nos mais longínquos rincões deste país onde nosso médicos se negam mesmo tendo a possibilidade de terem uma remuneração bem “gordinha”. Não recordo a cidade , mas , ou era Santa Inês ou Açailandia , duas cidades que entre as maiores do Maranhão , havia um setor de pediatria de um hospital fechado porque não havia médico psiquiatra-chefe para a unidade. O salário? 30 mil reais. Isso mesmo.
E os Conselho de Medicina , especialmente o CREMERS do Rio Grande do Sul diz que não faltam médicos e sim estrutura para que estes trabalhem. Que eu saiba uma parte do juramento do médico diz que este tem o dever de salvar vidas onde elas estiverem. No Brasil não é bem assim.
Outro empecilho colocado pelos profissionais de saúde brasileiros , foi a questão do idioma. Mas quantos médicos estrangeiros existem no Brasil? Como eles se comunicam? Fazem bicho de sete cabeças para qualquer coisa.
Sejam bem-vindos médicos que estão dispostos a salvar vidas em nosso país. É isso o que o povo espera. Eu também.

Anúncios

Uma consideração sobre “DESAFIO DEBATEPRONTO – MAIS MÉDICOS (Comentário de Amarildo Esteves)”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s