Paraná lidera na Construção

Estado lidera oferta na construção

Carlos Eduardo Kiatkoski

Especial para a Folha de Londrina

O mercado imobiliário nunca esteve tão aquecido como no último ano.

Segundo dados da Fundação Getúlio Vargas (FGV), a construção civil foi responsável por um aumento no número de empregos e representa 10,21% de novas vagas criadas em todo o País. No Estado do Paraná, segundo dados do Dieese, o crescimento no número contratações foi de 3,23%, também liderado pela construção civil com 7,63% de novos empregos (8.271 vagas).

Investidores brasileiros buscam o mercado paranaense para novos empreendimentos, como afirma Luiz Augusto Brenner Rose, da empresa Lopes Consultoria de Imóveis, considerada a maior do segmento no País. ”Curitiba lançou no ano passado cerca de 6 mil unidades residenciais verticais, desse total 70% foram absorvidas pelo mercado, restando apenas 30% para reserva de mercado”, comenta.

Historicamente a construção civil é que define o crescimento econômico no País. ”É um ciclo. Atrás do investimento vêm o crescimento no número de empregos, depois o fomento do mercado imobiliário e por aí em diante”, lembra Brenner. Até 2013, as expectativas são mais investimentos. ”Todas as informações nos levam a crer em um crescimento. Para os próximos anos a tendência é de um aumento ainda maior”, afirma Brenner.

Há 20 anos no mercado de trabalho, Paulo Taraciuk não tem do que reclamar. Mestre de obras há 18 anos, ele é um dos responsáveis pela construção de um empreendimento de alto padrão em Curitiba. Taraciuk está há um ano na construtora e é responsável por, pelo menos, 30 outras pessoas. ”Cadastrei meu currículo na internet e logo me chamaram para a entrevista de trabalho”, conta. Além da experiêmcia, o fator determinante na contratação de Taraciuk foi o aumento de construções.

Dados do Sindicato de Contrução Civil do Paraná (Sinduscon-Pr) apontam que entre o ano de 2008 e 2009, a geração de empregos aumentou em 11,64%, e chegou a 116 mil carteiras registradas na construção civil. Esses dados representam um total de 5,5% em relação a média do País, que foi de 10,21%. O Paraná disponta no que se refere a geração de empregos no setor em todo o país.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s